segunda-feira, 20 de fevereiro de 2012

Yes, nós temos bananas



Chiquita Bacana lá da Martinica veio ao Rio pular o Carnaval. Encantou-se com a alegria dos foliões. Resolveu seguir o mar de gente, que se agitava nas ruas em meio ao samba, suor e cerveja. Vestida com uma casca de banana nanica, ela se misturou de bom grado às Colombinas, Pierrôs, baianas, piratas, Janetes, Valérias e aos tradicionais 171.
Achou graça da coreografia no meião do bloco. Ao som de Ei, você aí, me dá um dinheiro aí, um grupo levava as mãos ao alto, ao bolso e depois à cabeça aos gritos. Chiquita tão Bacana quis filmar a dança irreverente e ficou sem o Smartphone, ainda na terceira prestação.

Mas Chiquita tão Banana não ligou. É Carnaval, dia de festa, de esquecer os problemas e se entregar à folia (yes, nós temos bananas, bananas pra dar e vender). Encheu a cara, cantou, dançou, cochilou e acordou entre os restos da folia, sem dinheiro nem documentos, cercada por belas montanhas de lixo multicor, rios de urina e claro muita, muita alegria.

2 comentários:

  1. Uhuuuu é carnaval!!

    Adorei o post!!
    Bem criativooo!!

    Bjão!!

    ResponderExcluir
  2. Oi, não sei se você gosta, mas tem tag lá no blog para você ! Te escolhi com muito carinho! (desculpe por comentar uma coisa que não tenha haver com o post)!
    http://sabrinnagomes.blogspot.com/2012/02/na-vibe-da-tag-11.html

    ResponderExcluir